Mauricio Schneiderman, o Atropelado

Maurício Schneiderman de 84 anos foi atingido por um carro e caiu perto da calçada, sangrando.

Um policial que viu a cena pediu o socorro médico e, preocupado com a idade do homem e vendo que o caso era grave, ligou também para um padre de uma igreja próxima.

O padre chegou antes que a ambulância, abaixou-se e perguntou:
“Você acredita no Pai, no Filho e no Espírito Santo?”

Maurício moveu lentamente a cabeça, abriu os olhos e disse, olhando para a multidão que se aglomerava ao redor:
“Aqui estou eu, atropelado, sangrando e às portas da morte, e esse cara vem fazer pesquisa!”

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *