Max, o atropelado

Max estava atravessando a rua, e foi atropelado por um ônibus.

Socorrido imediatamente, foi levado ao hospital, onde ficou em coma durante alguns dias.

Tão logo seu estado de saúde melhorou, Jacob, seu melhor amigo, foi visitá-lo na UTI:
“Então, Max, como você está?” – quis saber.
“Não estou muito bem” – respondeu ele. – “Léa, minha mulher, me visita três vezes por dia.”

Estranhando a reclamação do amigo, Jacob indagou:
“Não estou entendendo, isso não é bom?”
– “Claro que não é – disse Max com voz cansada. – “Ela fica lendo para mim o tempo todo.”
“E o que ela lê?” perguntou Jacob.

E Max esclareceu:
“Minha apólice de seguro de vida.”

 

 

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *