Moiche e o Táxi em Bruxelas

Moiche fez sinal para um um táxi em Bruxelas e quando o taxista parou e ele estava entrando no carro, um homem que estava na calçada arrancou a bolsa que ele usava a tiracolo e saiu correndo.

O taxista saltou do carro, correu, alcançou o ladrão e o derrubou no chão.

Apesar de o ladrão ter derrubado a bolsa na queda, o motorista começou a bater a cabeça dele no chão, com violência.

Quando viu aquilo, Moiche gritou:
– “Para! Para!” 

O motorista apenas olhou e continuou socando a cabeça do homem contra a calçada, enquanto Moiche não parava de gritar:
– “Para! Para!”

Nesse momento o motorista parou e disse:
– “Não importa se ele largou a bolsa, precisa de um castigo!”

Então Moiche completou:
– “Para o taxímetro!”

 

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *