Que tal um rodízio dos malucos?

Pensando no que acontece na Venezuela, na Coreia do Norte e no Irã, me veio a cabeça a brincadeira infantil “Escravos de Jó” (quem nunca brincou disso?):

Escravos de Jó, jogavam caxangá,
Escravos de Jó, jogavam caxangá.
Tira, bota, deixa ficar…
Guerreiros com guerreiros, fazem zigue-zigue-zá,
Guerreiros com guerreiros, fazem zigue-zigue-zá.

E aí me ocorreu de sugerir que a ONU promova um rodízio dos três alucinados:
– no primeiro mês o xarope da Venezuela vai para o Irá e o abibolado de lá vai para a Coreia do Norte. Aí o piá mimado que gosta de brincar de guerra vem para a Venezuela.

No outro mês, mais uma troca. Como os idiotas não falam a mesma língua, vai levar um bocado de tempo até que os auxiliares entendam o que eles querem.

Quem sabe se nesse período a gente não tem um pouco de sossego?

One thought on “Que tal um rodízio dos malucos?

  • Avatar
    Ruth Fisbein

    É uma grande idéia ,pena que é pra valer , esse problema está sério!!!

    Responder

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *